Vereador Dr. Gilberto conhecido em Campo Grande é preso por cobrar propina

0
Reprodução web
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Na manhã de hoje (8), o Ministério Público do RJ e Polícia Civil cumpriram três mandados de prisão. Entre os acusados estão o vereador Dr. Gilberto, que também é médico perito, o diretor geral do Instituto Carlos Éboli (ICCE-RJ), Sérgio William Silva Miana, e o chefe de Administração do posto regional de polícia técnica de Campo Grande, Franklin Silva da Paz.

Eles são acusados de comandar uma quadrilha que cobrava propina para a liberar corpos depois da necropsia no Instituto Médico Legal. Alguns desses corpos nem precisava passar pelo procedimento.

Os acusados foram denunciados por associação para prática criminosa e concussão. A pouco tempo atrás a fraude conhecida como máfia dos “papa-defuntos” se tornou pública por envolver hospitais e funerárias da Zona Oeste.

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.